Impactos do COVID-19 no ambulatório e residência médica em dermatologia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.29184/1980-7813.rcfmc.497.vol.16.n1.2021

Palavras-chave:

pandemia, pandemia do novo coronavírus, COVID-19, dermatologia, residência médica

Resumo

Introdução: Em março de 2020, a Organização Mundial de Saúde declarou a COVID-19 uma pandemia. A assistência a doentes infectados tornou-se uma prioridade e houve uma redução na disponibilidade de consultas e procedimentos dermatológicos eletivos.

Objetivo: Investigar a mudança nos atendimentos dermatológicos no Hospital Santa Casa de Vitória (HSCMV) entre março e junho de 2020 e os impactos causados pela pandemia ao comparar os atendimentos com o mesmo período de 2019.

Métodos: Estudo retrospectivo observacional comparativo por meio de revisão dos prontuários dos pacientes atendidos no serviço de dermatologia entre 20 de março a 30 de junho de 2019 e 20 de março a 30 de junho de 2020.

Resultados: Verificou-se uma queda de 91,06% nas consultas dermatológicas de 2019 para 2020. O estudo mostrou uma redução de 99,1% nos atendimentos de câncer de pele não melanoma e de 94,1% nos atendimentos de melanoma.

Discussão: A redução das atividades eletivas gerou impactos negativos nas vidas dos doentes com perda de seguimento e atrasos nos diagnósticos.

Conclusão: Além do impacto aos pacientes, o residente de dermatologia é uma importante vítima colateral da pandemia devido à redução da prática clínica.

Biografia do Autor

Carolina Oliveira Felipe, Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória

Médica residente em dermatologia do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória - HSCMV, Brasil.

Ana Carolina Tardin Rodrigues de Medeiros, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia

Estudante de medicina na Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória- EMESCAM, Brasil.

Marina Vieira Rodrigues de Queiroz, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória

Estudante de medicina na Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória - EMESCAM

Elisa Ines Demuner Vallandro, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória

Estudante de medicina na Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória - EMESCAM

Karina Demoner de Abreu Sarmenghi, Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória

Médica dermatologista do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória - HSCMV, Brasil.



Downloads

Publicado

2021-04-30

Edição

Seção

Artigos Originais